Memorial

Companheiros de Pensamentos

sábado, 28 de setembro de 2013

Em apenas 15 dias!

Já se passaram 15 dias de aulas e já estou perdidamente apaixonada pelos “meus” pequenos.
É incrível como é possível ainda ter esta “paixão” por um trabalho que nos esgota psicologicamente, emocionalmente; que nos estressa, nos desgasta.
Ainda não surgiu ministério capaz de matar esta vontade de continuar nesta profissão.
Já tive a oportunidade de leccionar em vários níveis de ensino, até nos cursos de formação de professores, mas é neste ciclo inicial que mais “riqueza” obtenho. Também é este ciclo que mais “puxa” por nós.
Não basta estar preparado em matéria de currículo, novas tecnologias, didácticas, pedagogias diferenciadas… É imprescindível saber “ler” seus olhos, suas posturas, seus comportamentos.
Não basta “apenas” ensinar! É preciso “querer” aprender com essas crianças!
E uma delas já está a ensinar-me que as dificuldades existem para serem superadas!
Pequena GRANDE miúda!!!!

8 comentários:

Margarida disse...

por ela, vale a pena nunca baixar os braços. bom trabalho.

Anne Lieri disse...

Rosa,entendo vc plenamente. Me aposentei há 4 anos mas sinto saudade da sala de aula, dos alunos, de alfabetizar, contar histórias...Só não tenho saudade da burocracia e da diretora...rss...bjs e bom domingo,

São disse...

Trabalheo no directo com crianças cerca de treze anos e depois trabalhei, além de em muitas outras áreas em Formação e orientação de estágios.

Penso que quem ama verdadeiramente a profissão de ensinar resiste a todas as cabeças iluminadas que passam pelo governo, sem dúvida!

Um forte abraço, como votos de excelente ano lectivo, rrss

Unknown disse...

ANA
ATÉ ME EMOCIONEI COM O TEU TEXTO!!!!! NÃO UMA EMOÇÃO VAZIA, MAS AQUELA EMOÇÃO QUE SENTEM AS PESSOAS QUE VIVERAM ESTE MESMO PENSAMENTO QUE ESCREVESTE. PARABÉNS AMIGA!!!!! UM PROFESSOR SEMPRE APRENDE MAIS DO QUE ENSINA, SEMPRE AMA MAIS DO QUE RECEBE E SEMPRE É MUITO MENOS VALORIZADO DO QUE ELE MERECE.

João Roque disse...

É por isso que ser professor é, apesar de "tudo", muito gratificante.

Magda disse...

Rosa querida!
É preciso ter essa visão e esse coração repleto de amor para ser educadora. Parabéns!
É a profissão mais gratificante que existe, sem dúvida!
Beijos.

Mary Brown disse...

Espero que continues motivada. Há já muitos colegas teus completamente desmotivados. As crianças dão-nos grandes lições de vida. Beijinhos

Fê blue bird disse...

Bem querem "Matar" esta nobre profissão, mas com professoras como tu minha amiga nunca irão conseguir.

FORÇA!!!

beijinho