Memorial

Companheiros de Pensamentos

domingo, 5 de fevereiro de 2012

Filipe Catto - Saga



Andei depressa para não rever meus passos
Por uma noite tão fugaz que eu nem senti
Tão lancinante, que ao olhar pra trás agora
Só me restam devaneios do que um dia eu vivi

Se eu soubesse que o amor é coisa aguda
Que tão brutal percorre início, meio e fim
Destrincha a alma, corta fundo na espinha
Inebria a garganta, fere a quem quiser ferir

Enquanto andava, maldizendo a poesia
Eu contei a história minha pr´uma noite que rompeu
Virou do avesso, e ao chegar a luz do dia
Tropecei em mais um verso sobre o que o tempo esqueceu

E nessa Saga venho com pedras e brasa
Venho com força, mas sem nunca me esquecer
Que era fácil se perder por entre sonhos
E deixar o coração sangrando até enlouquecer

E era de gozo, uma mentira, uma bobagem
Senti meu peito, atingido, se inflamar
E fui gostando do sabor daquela coisa
Viciando em cada verso que o amor veio trovar

Mas, de repente, uma farpa meio intrusa
Veio cegar minha emoção de suspirar
Se eu soubesse que o amor é coisa assim
Não pegava, não bebia, não deixava embebedar

E agora andando, encharcado de estrelas
Eu cantei a noite inteira pro meu peito sossegar
Me fiz tão forte quanto o escuro do infinito
E tão frágil quanto o brilho da manhã que eu vi chegar

E nessa Saga venho com pedras e brasa
Venho sorrindo, mas sem nunca me esquecer
Que era fácil se perder por entre sonhos
E deixar o coração sangrando até enlouquecer

(Belíssima voz! Seu disco já está chegando a Portugal!)

10 comentários:

Cidinha disse...

Olá, Rosa. Passando por aqui, para agradecer sua amável visita. Obrigada amiga! Obrigada também pela parceria do blog star. Desculpe a falta! Estou tentando colocar em dia as visitas. Esta semana foi muito difícil! Perdi alguem muito querida. Más hoje alegre por estar aqui! Adorei o poema e o Melga. Me apaixonei nele! Lindo amiga. Bjos e uma boa semana.

OZNA-OZNA disse...

miles de gracias por acariciar nuestros sentidos con la belleza en vídeo y en letras, muchos besinos y feliz inicio de semana con todo mi cariño.

SONINHA disse...

Aninha querida!
Uma bela reflexão, amiga!
Uma excelente semaninha!!!
Beijocas!

Severa Cabral(escritora) disse...

Minha linda !
Comungo contigo essa canção...
bjsssssssssssssss

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Obrigado pela partilha :) Nao conhecia.

O seu beijo

Anne Lieri disse...

Rosa,que beleza de poesia e de cantor!bjs e boa semana!

CLEMENTE GERMANO MULLER disse...

Oi querida amiga Rosa. Realmente FLORIPA é um paraíso. Planeje suas férias que com certeza não vai se arrepender. Um grande beijo. FIQUE COM DEUS.

Regina Rozenbaum disse...

Bela saga...linda voz!
Beijuuss n.a.

Fê-blue bird disse...

Amiga:
Bonita voz, bonita presença e bonita letra.
Merece destaque.

beijinhos

Maria disse...

Minha amiga lindissimo poema e uma voz à altura da letra. Hoje venho especialmente para agradecer o seu carinho ao ter comemorado comigo o aniversário da minha mãezinha, deixando a sua preciosa mensagem.
“A glória da amizade não é a mão estendida, nem o sorriso carinhoso, nem mesmo a delícia da companhia. É a inspiração espiritual que vem quando você descobre que alguém acredita e confia em você.” (Ralph Waldo Emerson)
Beijinhos
Maria